Tags

, , ,

Foto: Liquor.com

Tom Collins é provavelmente o primeiro coquetel com água gasosa.
É um coquetel incrível que tem como base um sour que é alongado com bolhas.

A história da carbonatação começa em 1767 com J.Priestley e entra em escala industrial em 1783 com a fundação da empresa Schweppes.

1. DEFINIÇÃO:

A definição de um Collins é:

1. Destilado;

2. Açúcar;

3. Limão;

4. Água com gás;

5. Servido em copo longo com gelo.

2. INGREDIENTES:

1. Destilado: O seu favorito, no caso do Tom Collins use Gin, um London Dry Gin está ótimo;

2. açúcar: presente na forma de simple syrup;

3. Limão: limão siciliano funciona muito bem com a maioria dos destilados neste caso;

4. Água com gás: Quanto mais gelada sua água com gás mais bolhas ela terá. Para coqueteis carbonatados prefiro uma água gaseificada artificialmente por ter mais bolhas que as naturais;

5. Servido em copo longo com gelo: O gelo do copo é novo, não é o que foi utilizado para bater.

3. TÉCNICA (e receita)

TOM COLLINS

4 partes de Gin

2 partes de limão siciliano

1 parte de simple syrup

2~4 partes de água gasosa

Agite tudo, menos a água com gás!, coloque a água com gás na coqueteleira e coe para um copo longo cheio de gelo, cheio mesmo! até a borda!

Enfeite com zest de limão e uma cereja.

4. Considerações Finais

Um coquetel simples e refrescante. Experimente com a receita, mas para o meu paladar a melhor é o coquetel batido e feito com limão siciliano.

Enfeite com os óleos aromaticos do limão e a cerejinha é pra dar um charme, além de ser um identificador visual do Tom Collins.

Não utilize refrigerantes neste coquetel antes de provar a versão que aqui apresento.

Club Soda (a Schweppes faz uma excelente) nada mais é que uma água gaseificada com alguns minerais adicionados. Para algumas pessoas ela tem um paladar mais limpo que as águas gasosas. Experimente e encontre a sua favorita.

Espero que este artigo sirva para entusiastas, iniciantes e profissionais mais vividos.

Os coqueteis clássicos são a base para outros coqueteis e é de suma importância a compreensão dos conceitos e técnicas básicas para se fazer bons coqueteis.

Um clássico bem executado reflete um bartender consciente e com domínio da coquetelaria.

Saúde!

Old Fashioned – Projeto Coqueteis Clássicos

Mint Julep – Projeto Coqueteis Clássicos

Manhattan – Projeto Coqueteis Clássicos

Dry Martini – Projeto Coqueteis Clássicos

Daiquiri – Projeto Coqueteis Clássicos

Caipirinha – Projeto Coqueteis Clássicos

Margarita – Projeto Coqueteis Clássicos

Sidecar – Projeto Coqueteis Clássicos

Whisky Sour – Projeto Coqueteis Clássicos

Cosmopolitan – Projeto Coqueteis Clássicos