Tags

, , ,

Brandy  é um destilado proveniente do vinho, os mais conhecidos são produzidos na região de Conhaque (Cognac) na França.

Antes da praga de 1860 que devastou os vinhedos da europa, a Phylloxera, o Cognac era o destilado mais consumido no mundo. Com a devastação das plantações de uva o gin e o whisky dominaram, até a grande ascenssão da Vodka em 1980.

Os Brandys de Cognac são tão famosos que possuem Apelação de Origem Controlada (AOC), podendo ser produzido somente em um certo território francês. Embora existam excelentes Brandys de outras regiões como os espanhóis de Jerez.

Outro estilo de Brandy muito famoso é o Pisco, produzido tanto no Chile quanto no Peru e geralmente sem passar por envelhecimento.

1.Brandy Buck

basil-haydens-irish-buck

(Highball – montado direto no copo com gelo)

  • 60 mL Brandy
  • 10 mL suco de limão siciliano
  • 10 mL licor de laranja (curaçao)
  • 120 mL refrigerante de gengibre

Decore com uma fatia de limão siciliano.

Comentário: Mais um dos diversos highballs antigos a levar ginger ale.

O nome Brandybuck aparece n’O Senhor dos Anéis como sobrenome de Merry Brandebuque.

 

2.Stinger

stinger-cocktail-1020

(Duo – montado direto no copo com gelo)

  • 60 mL Brandy
  • 15 mL licor de menta (branco)

Comentário: Um famoso digestivo muito consumido pela alta sociedade dos anos 1940.

 

 

 

3. Sazerac

sazerac_photo_lorez

(Aromático – mexido com gelo e servido em copo baixo resfriado)

  • 60 mL Brandy
  • 5 mL xarope de açúcar
  • 3 dash Peychaud’s Bitter
  • 2 dash Angostura (opcional)
  • Absinto para untar o copo

Decore com aroma de uma casca de limão siciliano.

Comentário: Um importantíssimo clássico que após os anos 1860 passou a ser feito com Rye Whiskey. Leia mais sobre este ícone da coquetelaria americana.

 

4. Japanese

cocktail_spirit_japanese

(Aromático – mexido com gelo e servido em taça resfriada)

  • 60 mL Brandy
  • 5 mL xarope de amêndoas (Orgeat)
  • 3 dash Angostura

Decore com aroma de uma casca de limão siciliano.

Comentário: Criado por Jerry Thomas à época da primeira expedição japonesa aos EUA.

 

5. Crusta

d233df5ecd9797bb77d2e1da486d4f95

(Aromático – mexido com gelo e servido em taça resfriada)

  • 60 mL Brandy
  • 5 mL suco de limão siciliano
  • 5 mL licor de laranja (curaçao)
  • 5 mL licor maraschino
  • 3 dash Angostura

Decore com uma casca de limão siciliano e borda de açúcar.

Comentário: O precursor dos coquetéis Sour.
Outro importantíssimo coquetel criado em Nova Orleans.

 

6. Sidecar

grand-side-car

(Sour – batido com gelo e servido em taça resfriada.)

  • 60 mL Brandy
  • 20 mL suco de limão siciliano
  • 20 mL licor de laranja (triple sec)

Decore com uma casca de limão siciliano.

Borda de açúcar (opcional)

Comentário: Parente próximo do Crusta, mas com características bem diferentes. Leia mais sobre.

 

7. Pisco Sour

pisco_sour_0114_0022

(Sour – batido com gelo e servido em taça resfriada.)

  • 60 mL Pisco
  • 20 mL suco de limão siciliano
  • 20 mL xarope simples
  • clara de ovo

Decorar com gotas de Angostura.

 

 

 

8. Pisco Punch

pisco_punch_0008_20120803-143215

(Punch – servido sobre gelo)

  • 60 mL Pisco
  • 40 mL suco de abacaxi
  • 20 mL suco de laranja
  • 20 mL suco de limão
  • 20 mL xarope de açúcar
  • 40 mL espumante

Decore com uma fatia de abacaxi.

Comentário: O xarope utilizado neste coquetel em geral é aromatizado co cubos de abacaxi.

Criado na década de 1920 em São Francisco.

9. Brandy Alexander

brandy-alexander-cocktail-recipe-1-1

(Alexander – Batido e servido em taça resfriada)

  • 60 mL Brandy
  • 30 mL licor de cacau
  • 15 mL creme half-and-half

Decore com noz moscada ralada.

Comentário: Leia mais sobre este clássico.

 

10. EggNog

basic-makers-mark-makers-mark-eggnog

(Outros – Batido e servido sem gelo)

  • 60 mL Brandy
  • 15 mL xarope simples
  • 1 ovo (clara e gema)
  • 30 mL creme half-and-half

Decore com noz moscada ralada.

Comentário:Tradicionalmente servido como Punch durante as comemorações natalinas.
Um Flip (destilado, açúcar e ovo) com um pouco de creme.

 

Sentiu falta de algum clássico? Comente!

Saúde!